Início Notícias Prefeito do Rio de Janeiro manda recolher HQ da Marvel com herói...

Prefeito do Rio de Janeiro manda recolher HQ da Marvel com herói gay na Bienal do Livro

Está circulando pelas nas redes sociais uma imagem de uma HQ da Marvel, onde dois personagens estão se beijando.

A HQ em questão é Vingadores – A Cruzada das Crianças, que foi lançado originalmente nos Estados Unidos em 2010 e saiu aqui no Brasil em 2012 pela Editora Panini, e agora, foi republicado em formato encadernado de capa dura pela Salvat.

A HQ mostra as aventuras de personagens como Jovens Vingadores, X-Men, X-Factor, Vingadores, Doutor Destino e Magneto por exemplo. Nos Jovens Vingadores há dois heróis homossexuais, o Wiccan, filho da Feiticeira Escarlate e Hulkling, filho do Capitão Marvel original.

Durante a Bienal do Livro do Rio de Janeiro, a revista foi encontrada a venda e algumas pessoas se indignaram com a parte dos dois heróis se beijando. Porém, o assunto tomou outras proporções quando no dia 05 de setembro, Marcelo Crivella, Prefeito do Rio de Janeiro, que é um notório religioso, postou um vídeo nas suas redes sociais falando o seguinte:

“A Prefeitura do Rio de Janeiro determinou que os organizadores da Bienal do Livro recolhessem esse livro que você está vendo aí [Vingadores – A Cruzada das Crianças], que já foi inclusive denunciado na internet e que traz conteúdo sexual para menores. Livros assim precisam estar embalados em plástico preto, lacrado e do lado de fora avisando o conteúdo. Portanto, a Prefeitura do Rio de Janeiro está protegendo os menores da nossa cidade.”

Um detalhe é que tais publicações não são destinadas para crianças, mas sim para um público infanto-juvenil ou mais velho do que isso. Em todas as HQ’s há uma classificação indicativa.

A Marvel utiliza a seguinte tabela de classificação:
All Ages – Material aconselhável para todas as idade.
T – Material recomendado para a maioria dos públicos, mas talvez os pais devam conferir a HQ antes de dar para os filhos.
T+ – Material destinado para jovens de 13 anos ou mais.
Parental Advisory – Material destinado para jovens de 15 anos ou mais. Se diferencia do T+ por abordar assuntos mais maduros.
Explicit Content – Material destinado para maiores de 18 anos, podendo conter nudez e/ou violência explícita.

Portanto, há uma classificação indicativa de idade. De toda forma, essa ação do Prefeito do RJ é um ato de censura, o que não deveria acontecer.

A Bienal do Rio divulgou uma nota sobre o caso informando que não retirará os livros de circulação. Confira abaixo:

“A Bienal Internacional do Livro Rio, consagrada como o maior evento literário do país, dá voz a todos os públicos, sem distinção, como uma democracia deve ser. Este é um festival plural, onde todos são bem-vindos e estão representados. Inclusive, no próximo fim de semana, a Bienal do Livro terá três painéis para debater a literatura Trans e LGBTQA+.

A direção do festival entende que, caso um visitante adquira uma obra que não o agrade, ele tem todo o direito de solicitar a troca do produto, como prevê o Código de Defesa do Consumidor.”

DEIXE SEU COMENTÁRIO! ❤

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta