seguranca em jogo netflix serie critica
Artigos

Crítica | Segurança em Jogo exige paciência para entregar uma trama rica em todos os aspectos

O mundo está vivendo tempos horríveis. Não importa o local, seja Europa, Estados Unidos ou América do Sul, fome, terrorismo e corrupção é tema recorrente no nosso dia a dia. E é exatamente aí que Segurança em Jogo, da BBC de Londres e distribuída mundialmente pela Netflix, entra em nossas vidas: uma série britânica, berço de polêmicas históricas e bastante atuais, e estrelada por Richard Madden, ator que interpreta Robb Stark de Game of Thrones.

A Europa anda vivendo momentos de puro terror. A crise migratória, alinhado a políticos extremistas e populistas, vem fazendo com que as pessoas sintam um medo contínuo, até mesmo em países extremamente desenvolvidos como a Inglaterra, que impede ataques de terrorismo diariamente. Logo no início, Segurança em Jogo mostra a que veio e nos envolve com uma sequência maravilhosa. Ela acontece nos primeiros minutos da série, por isso não considerarei spoiler. Uma moça, com seu véu islâmico bastante característico, se vê em uma situação muito crítica. Obrigada pelo marido, ela está no banheiro de um trem prestes a explodir uma bomba e matar vários passageiros e David Budd, personagem de Madden, um veterano do exército inglês, percebe que algo estranho está acontecendo e vai investigar. Toda a construção dessa cena, até a sua conclusão, é um resumo muito interessante do que iremos ver nos próximos episódios. Calmaria no começo, sempre com um ar tenso ao fundo, muita apreensão, ação, tiro, bomba e tudo o que adoramos ver em enlatados americanos, porém, dessa vez, com uma história fascinante por trás.

David Budd agora trabalha como segurança de importantes pessoas do governo. Daí vem a nomenclatura da série. Ele é extremamente habilidoso e atencioso. Não deixa passar nada sob seu olhos atentos. Porém, ele trás consigo um trauma muito grande da guerra que presenciou. E este contexto pós-traumático fez com que sua família, que tanto ama, ficasse cada vez mais distante de sua vida. Budd acaba virando segurança da Ministra de Relações Interiores, Julia Montague (Keeley Hawes), uma das pessoas mais polêmicas da Inglaterra. Ela é radicalmente contra a imigração, e Budd, como ex-membro do exército, viu de perto o que a guerra pode causar à pessoas inocentes de países pobres que são atacados sistematicamente, até mesmo por terroristas de seu próprio país, e são literalmente obrigadas a imigrar para outros países. Esse dilema, junto aos seus problemas psicológicos e todo o clima de tensão que a série mostra, principalmente pela alta corrupção envolvida nas instituições, nos faz ficar aflitos praticamente o tempo todo. David Budd não é um cara perfeito, ele tem problemas sérios e precisa resolver problemas maiores ainda, que vão muito além dele.

richard-madden-bodyguard

A fotografia da série, e quem já leu minha crítica de River sabe, é maravilhosa, pois o clima cinzento inglês é lindo e se torna um personagem característico nas séries vindas do país. Prédios antigos, pessoas bem arrumadas, tecnologia a toda esquina, motoristas do lado direito e principalmente seus sotaques, são destaques únicos. Séries britânicas sabem como nos conquistar visualmente. Sua trilha sonora acompanha esse suspense. Calma na hora que tem que ser, e agitada nos momentos de ação, apesar de não ser marcante, ela cumpre seu papel quanto precisa entregar algo tão bom quanto o que estamos assistindo.

O roteiro de Segurança em Jogo é perigoso para quem curte ação a todo o momento e está procurando isso. Ele entrega exatamente o que queremos, mas, para isso, a série nos pede algo essencial: paciência. É assim que iremos curtir cada minuto dos seus 6 episódios! Apesar do começo alucinante, como já falei, esta calmaria com um ar tenso é predominante, e não é todo mundo que sabe aproveitar isso. Os diálogos são intensos, assim como as relações criadas conforme a série vai passando. É como se Segurança em Jogo fosse feito diretamente do parlamento inglês, com câmeras escondidas. Essa representatividade foi tão grande, que a série se tornou a mais assistida dos últimos 10 anos na Inglaterra, com mais de 17 milhões de espectadores no seu último e amarrado episódio. Tudo foi construído de forma maestral para que a gente mal respirasse assistindo.

Richard Madden é uma surpresa, pois ele não havia sido tão exigido em Game of Thrones. Seu olhar fixo e capacidade de demonstrar emoções são os grandes destaques de sua atuação. Quando ele precisa mostrar a frieza de um expert em brigas e armas, quase nos convence de ser um Jason Bourne da vida. Porém, quando Madden quer representar o desespero em pessoa, como um humano de fato e não um robô feito para matar, sua atuação chega a níveis épicos, digno de premiações.

bodyguard-netflix

Segurança em Jogo exige paciência para os famintos por ação e atenção para quem aprecia uma história bem contada, que tem ação neste meio tempo. Sua premissa é extremamente atual e, de forma responsável, sabe nos passar entretenimento em forma de conselhos em meio a um mundo onde a humanidade está sendo deixada de lado. A série mais assistida da Inglaterra vai te conquistar assim como conquistou os britânicos.

  • Direção
  • Roteiro
  • Elenco
  • Fotografia
  • Trilha Sonora
5

Segurança em Jogo

Segurança em Jogo exige paciência para os famintos por ação e atenção para quem aprecia uma história bem contada, que tem ação neste meio tempo. Sua premissa é extremamente atual e, de forma responsável, sabe nos passar entretenimento em forma de conselhos em meio a um mundo onde a humanidade está sendo deixada de lado. A série mais assistida da Inglaterra vai te conquistar assim como conquistou os britânicos.

O Tem Alguém Assistindo também está no Google News. Vem saber tudo sobre séries e filmes! Siga-nos!
Deixe seu comentário

Leia também