Início Curiosidades Criador de Vis a Vis explica a união entre Maca e Zulema...

Criador de Vis a Vis explica a união entre Maca e Zulema na série

Vis a Vis terminou em fevereiro de 2019, porém, só chegou na Netflix dia 25 de setembro com sua quarta e última temporada. Este texto tem spoilers!

Seu final, apesar de apressado – por conta da baixa audiência na TV – foi bastante elogiado e digno para todos os personagens bons e ruins, especialmente para as duas protagonistas Macarena e Zulema que se odiavam a no começo, para depois finalizarem juntas.

Na série, havia a opção de explorar a guerra entre elas ou fazer elas encontrarem um ponto comum, opção escolhida e que seu criador Iván Escobar justifica em entrevista para o site El Confidencial: “Pareceu-me interessante que duas personagens que haviam prometido a morte acabariam se encontrando. Eu acho que é uma justificativa poética que essas duas “personalidades selvagens” se reúnam. A jornada de Maca foi em direção a Zulema, em busca da sobrevivência, e na verdade ambas eram ‘Alien vs Predator’ até encontrar Sandoval “.

Para Escobar, após conhecer Sandoval, elas perceberam o que é o mal de verdade e que elas deixaram o heteropatriarcado de lado para viverem sua própria história:

“Quando viram a encarnação do mal, perceberam que suas brigas podiam esperar. Parecia interessante ver como duas pessoas que não se gostavam ou suportavam, se aliavam contra uma força maior. Aliavam-se à figura do heteropatriarcado, do qual gostamos muito, é por isso que deixamos esse ponto em aberto para as duas no futuro. Há pessoas que fazem bem as coisas e outras que dão errado, pessoas que se reintegraram e pessoas que não conseguem, e essas duas se reunirem depois de tudo o que elas viveram juntas, parece consistente com a história “, completou.

Vis a Vis tem 4 temporadas no total, todas disponíveis na Netflix. Em 2020 será lançado Vis a Vis: El Oasis, spin off da série com foco nesta relação pós penitenciária entre Maca e Zulema.

DEIXE SEU COMENTÁRIO! ❤

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta