Notícias

QUE FOFO! Tom Hanks afirma que nunca interpretaria vilões; saiba o motivo

O ator Tom Hanks, famoso por papeis como Náufrago, O Resgate do Soldado Ryan, Forrest Gump e muitos outros, durante uma entrevista ao jornal New York Times, afirmou que nunca iria interpretar vilões, por não ter maldade suficiente e por ser bonzinho demais. QUE FOFO!

“Eu reconheci há muito tempo que sou incapaz de instigar medo em alguém. E isso é diferente de ser bonzinho. Eu acho que sou capaz de ser misterioso, mas não de ser malvado”, afirmou.

E complementou explicando o motivo de não se ver interpretando o outro lado da força:

“É porque eu não consigo compreendê-los, porque a maioria dos vilões exigem um grau de maldade que acredito que não consigo reproduzir”.

Com certeza o papel de Melhor Bonzinho vai para Tom Hanks! Até o momento, o ator possui cinco indicações ao Oscar, tendo vencido duas estatuetas.

Ele foi premiado com o Oscar de Melhor Ator por Forrest Gump (1994) e Filadélfia (1993) e concorreu ao prêmio em Náufrago (2000), O Resgate do Soldado Ryan (1998) e Quero ser Grande (1988).

O seu mais novo trabalho foi na cinebiografia inspirada na vida do apresentador de TV Fred Rogers (1923-2003), em A Beautiful Day in the Neighborhood. E vem sendo um grande candidato ao Oscar de 2020.

Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo toda semana. Se inscreve!
Deixe seu comentário

Leia também