Notícias

Por ser muito forte, roteiristas demoraram semanas para decidir o que fazer com Thanos

Thanos se mostrou monstruosamente forte em Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato, e fazer ele ser derrotado se tornou um dos maiores desafios dos roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely.

Como o vilão da Marvel precisaria desaparecer no começo, para que o Thanos do passado viesse para o futuro, fazer isso parecia um desafio, até que o produtor do filme teve a ideia de simplesmente matá-lo.

“Thanos é onipotente. Ele é onisciente. É ridículo quanto poder ele tem. Então, por boas três semanas, estávamos tentando descobrir o que fazer com esse personagem no segundo filme, com tanto poder. Em certo ponto, acho que Trinh Tran, nosso produtor executivo, estava frustrado e disse: ‘Deus, eu realmente gostaria que pudéssemos simplesmente matá-lo.’ Todos nós ficamos: “Peraí, calma. O que isso quer dizer? Isso é interessante.’ É algo absolutamente dentro do personagem dele”, falaram em entrevista ao The Hollywood Reporter.

Vingadores: Ultimato está em cartaz nos cinemas.

Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo toda semana. Se inscreve!
Deixe seu comentário

Leia também