O presidente Jair Bolsonaro acusou o ator Leonardo DiCaprio de doar dinheiro para ONGs colocarem fogo na Amazônia.

“Agora, Leonardo DiCaprio é um cara legal, né? Dando dinheiro para tacar fogo na Amazônia”, disse Bolsonaro. Eduardo Bolsonaro, também declarou que o financiamento de DiCaprio contribuiu para o aumento de incêndios entre agosto e setembro na Amazônia.

Agora foi a vez do ator se pronunciar através de uma nota oficial. DiCaprio nega as acusações e afirma continuar comprometido com a proteção da floresta. Leia:

“Neste momento de crise para a Amazônia, apoio o povo do Brasil que trabalha para salvar seu patrimônio natural e cultural. Eles são um exemplo incrível, comovente e humilde do compromisso e paixão necessários para salvar o meio ambiente. O futuro desses ecossistemas insubstituíveis está em jogo e tenho orgulho de apoiar os grupos que os protegem. Embora dignas de apoio, não financiamos as organizações citadas. Continuo comprometido em apoiar as comunidades indígenas brasileiras, governos locais, cientistas, educadores e as pessoas que estão trabalhando incansavelmente para garantir a Amazônia para o futuro de todos os brasileiros”.

DiCaprio doou US$ 5 milhões para a fundação Earth Alliance, que beneficiou diversas ONGs brasileiras. Estas ONGs são acusadas por Bolsonaro como culpadas diretas pelo incêndio.

DEIXE SEU COMENTÁRIO! ❤

Deixe uma resposta