facebook

Diretor James Gunn rertorna para “Guardiões da galáxia 3”

James Gunn, após ter sido afastado ano passado por acharem tweets com piada sobre pedofilia, foi desvinculado da Disney. Porém, irá rertornar para Guardiões da galáxia 3.

As mensagens nas mídias sociais eram indefensáveis, mas o diretor nunca fez nada além de se culpar por um julgamento ruim exibido em uma época em que ele estava emergindo da fábrica de filmes e tentando ser provocador. Apesar de tudo, não houve relatos de que Gunn tenha se envolvido no comportamento que ele satirizou.

O retorno de Gunn aos Guardiões da Galáxia 3 ficou complicado quando ele assinou contrato para escrever e dirigir a sequência do Esquadrão Suicida para a Warner Bros e DC. A Marvel Studios concordou em iniciar a produção de Guardiões da Galáxia 3 depois que Gunn finalizasse Esquadrão Suicida 2.

A situação foi mais fácil pelo fato da Marvel Studios nunca ter encontrado nenhum outro diretor para Guardiões da Galáxia 3, apesar das especulações de que Thor: Ragnarok, Taika Waititi, e o vice-líder Adam McKay estavam em espera.

Logo após o anúncio da demissão de Gunn, os fãs criaram uma petição pedindo à Disney que reconsiderasse.

Apesar dos erros, é de alguma forma reconfortante que haja espaço para segundas chances e que um bom diretor tenha a chance de superar um erro colossalmente estúpido.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO! ❤
Tags:
0 shares

Deixe uma resposta