Artigos

Crítica | Meu Melhor Amigo: emocionante, o filme trata a descoberta da sexualidade sem didatismo

Para falar sobre a descoberta da sexualidade é preciso simplesmente saber como transmitir para o espectador de forma coerente sem se tornar piegas. Meu Melhor Amigo, novo longa argentino da Netflix, traz um assunto delicado e visivelmente inspirador nos dias de hoje.

A temática é mostrar o conhecimento da própria homossexualidade por meio de Lorenzo (Ângelo Mutti Spinetta), um jovem que beira aos 16 anos cheio de vitalidade, mas que não sabe como lidar com seus sentimentos. Quem transforma sua vida é Caíto (Lautaro Rodríguez), filho de um amigo do seu pai que passa alguns meses em sua casa.

Lorenzo e Caíto são diferentes em estética e personalidade. Lorenzo é franzino, estudioso, educado, solitário. Ele mora com os pais e o irmão, uma família bastante estruturada. Caíto tem o corpo definido, no entanto, áspero. Ele sofre com seus problemas familiares. Esses dois extremos vão se encontrar, fazendo com que os personagens cresçam diante das situações encontradas.

O jovem Ângelo Mutti Spinetta rouba todas as cenas. O novato não precisa de diálogos para demonstrar os sentimentos do seu acuado personagem. No desfecho do filme, ele emociona com uma interpretação bastante convincente, e até sofrível que Lorenzo pede.

O diretor Martín Deus traz a amplitude do tema educativamente, sem cair no didatismo. Em certo momento, Caíto diz para o amigo que às vezes é preciso se livrar de certas regras. As metáforas são jogadas em palavras, mas também em momentos, como na mesa de jantar onde a família se encontra para conversar sobre o que aconteceu com cada um no seu dia.

Meu Melhor Amigo é inteligente, perspicaz, pronto para emocionar os corações de pais e jovens que passam ou já passaram por situações semelhantes. Um produto rico sem precisar de maniqueísmos e extravagância que muitas vezes o cinema apresenta quando se trata sobre homossexualidade.

_

Crítica por Rafael Munhos, do Opinião Cult, em parceria com o TAA.

  • Direção
  • Roteiro
  • Elenco
  • Fotografia
  • Trilha Sonora
4.4

Resumo

Meu Melhor Amigo retrata a descoberta da sexualidade com leveza e sem didatismo. Um filme extremamente bonito e comovente.

Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo toda semana. Se inscreve!
Deixe seu comentário

Leia também