Notícias

Conde Drácula, da nova série da Netflix, será um vampiro bissexual

O vampiro mais famoso e temido de todos os tempos está chegando em breve na Netflix, em parceria com o canal BBC. E uma das novidades que chegou recentemente diz respeito a sua sexualidade.

Em entrevista ao jornal britânico The Sun, o roteirista do seriado Mark Gatiss afirmou que esta versão do Drácula será diferente das vistas anteriores vistas na TV e no cinema:

“Ele tem os gostos ampliados, este Drácula. Dessa vez, não é apenas uma coleção de mulheres dos anos sessenta com sutiãs flexíveis. Drácula não discrimina. Ele procura a comida, mas, também as pessoas que o interessam”, disse.

No seu primeiro trailer, já podemos ver que Drácula acaricia o rosto de um rapaz e diz “tente manter a calma, você está indo bem”.

A série é desenvolvida por Mark Gatiss e Steven Moffat, criadores da aclamada Sherlock. O ator que interpretará o vampiro é Claes Bang (Millenium: A Garota na Teia de Aranha).

Lyndsey Marshal (Hanna), Chanel Cresswell (Bay), Matthew Beard (Johnny English 3.0), Lydia West (Years and Years), Paul Brennen (MIB: Homens de Preto – Internacional), Sarah Niles (Catastrophe), Sofia Oxenham (Poldark), John McCrea (O Reino de Deus) e Phil Dunster (All is True) completam o elenco da série.

Drácula contará a história do conde sedento por sangue da Transilvânia, e sua ida à Londres. Sua estreia deve acontecer em 2020.

Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo toda semana. Se inscreve!
Deixe seu comentário

Leia também